https://www.poetris.com/
Poemas : 

Já não sinto, nem penso, só sofro, mas resisto?

 
Tags:  amar    ânimo    escolher    aquietar  
 

Se eu pudesse escolher sentir tudo o que pensasse seria enlevante como as arquiteturas mais ousadas que nos aquietam os ânimos numa interpretação do mundo que acreditamos já ter sonhado e temos diante de nós ainda melhor realizada.
Mas todo o sentimento profundamente nosso parece suscitar imensa cobiça ou perturbação em redor, porque nos deixa exacerbadamente sensíveis a perturbações, tornando tudo mais insuportável.
Se eu pudesse escolher sentir, amava, amava tanto mais umas coisas quanto mais odiava outras…
Se eu pudesse escolher pensar não sei o que pensava, talvez pensasse em tanta coisa que não me interessava, mas como não posso escolher, penso que me interessa…
Se eu pudesse escolher fazer sei o que queria, mas não saberia fazer…
Se eu pudesse escolher dizer o que diria?

O mundo torna-se muito pequeno quando cais dentro de um buraco
e só te resta esperar que alguém por acaso caia nesse buraco sem querer e te encontre.
A tua sorte é a fonte das maiores alegrias,
mas saber lidar com isso pode ser um problema.
Não foi o mar que fez os barcos nem os barcos que fizeram o mar
e os barcos engolem o mar de um modo muito mais interessante do que o mar engole os barcos.
As palavras não são o que nos faz falar,
as palavras são o que nos prende
àquilo de que gostaríamos de dispor livremente.






 
Autor
Carlos Ricardo
 
Texto
Data
Leituras
151
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 15/04/2018 21:25  Atualizado: 15/04/2018 21:25
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 15632
 Re: Já não sinto, nem penso, só sofro, mas resisto?
Poeta
Gostei bastante do que li!
Abraço!
Janna