https://www.poetris.com/
Letras de Música : 

Eu quero é botar meu bloco na rua (Sérgio Sampaio)

 
Open in new window
Há quem diga que eu dormi de touca
Que eu perdi a boca, que eu fugi da briga
Que eu caí do galho e que não vi saída
Que eu morri de medo quando o pau quebrou

Há quem diga que eu não sei de nada
Que eu não sou de nada e não peço desculpas
Que eu não tenho culpa, mas que eu dei bobeira
E que Durango Kid quase me pegou

Eu quero é botar meu bloco na rua
Brincar, botar pra gemer
Eu quero é botar meu bloco na rua
Gingar, pra dar e vender

Eu, por mim, queria isso e aquilo
Um quilo mais daquilo, um grilo menos disso
É disso que eu preciso ou não é nada disso
Eu quero é todo mundo nesse carnaval

Eu quero é botar meu bloco na rua
Brincar, botar pra gemer
Eu quero é botar meu bloco na rua
Gingar, pra dar e vender

Sérgio Moraes Sampaio foi um cantor e compositor brasileiro, nasceu em Cachoeiro de Itapemirim (Espírito Santo) em 13 de abril de 1947 e faleceu prematuramente no Rio de Janeiro em 15 de maio de 1994. Após ter sido radialista em Cachoeiro, Sérgio foi tentar a carreira musical no Rio de Janeiro.

Foto: capa de livro com a história deste grande compositor.

 
Autor
AjAraujo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
94
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.