https://www.poetris.com/
Poemas : 

TEMORES

 
Tags:  concretudes  
 
TEMORES

Temo estar ficando surdo
Temo estar ficando velho
Temo estar ficando
[surdo e velho.

É a idade da razão chegando
É o século d'ouro acabando
É o tempo de temores
[quando em quando.

Velho e surdo, raciocino:
Nada temeria se negasse o fim,
Tão sem razão quanto um cão
[a latir além-mim.

Temo só o que desconheço...
Seja o vazio do abismo neblinado;
Seja a sólida solidão da pedra
[onde queda o Fado.

Betim - 10 02 2019


Ubi caritas est vera
Deus ibi est.


 
Autor
RicardoC
Autor
 
Texto
Data
Leituras
40
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.