https://www.poetris.com/
Mensagens -> Desabafo : 

FADOS ATIVOS

 
Tags:  poema  
 
FADOS ATIVOS
(Jairo Nunes Bezerra)

Nunca mais fui o mesmo seresteiro,
Decepções se perpetuaram...
Amar-te foram os meus últimos desesperos,
Que aos poucos se dissiparam!

Agora busco rosas em outras paragens distantes,
Belas de cores acentuadas...
Que liberem perfumes circulantes,
E deixem de paixão minha alma alucinada!

E que de prazer sejam os seus ais sucessivos,
De fingimentos omissos,
Realizando-me nos meus anoiteceres!

É quando voltarei a ser plenamente realizado,
Por vários afagos saciados,
Nas volúpias dos prazeres!

 
Autor
Jairo Nunes Bezerra
 
Texto
Data
Leituras
104
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.