https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Paixão : 

VOLÁTIL

 
Tags:  poema  
 
VOLÁTIL
(Jairo Nunes Bezerra)

Tudo fiz na tentativa de tentar voar,
Até velejei por rios caudalosos...
Contraste previsível no meu gesto de falar,
Ante um sol airoso!

E tu eterna concentração de meus sonhos,
De longe tudo observas...
Evitas os nossos frequentes encontros,
E tua perseverança ativa me enerva!

Nada me importa se és a minha atração,
Concentrada vives em meu coração,
Até nos tristonhos entardeceres!

Não mais me vistes sorrindo,
Triste mergulho sob raios solares findos,
À aproximação dos anoiteceres!

 
Autor
Jairo Nunes Bezerra
 
Texto
Data
Leituras
266
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
8 pontos
0
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.