https://www.poetris.com/
Poemas : 

"tou" naquela

 
Open in new window

Eu hoje liguei o foda-se
Para ser eu mesmo.
Farto das merdinhas que incomodam
Gente que não tem nada que fazer…,
Vão-se foder…!
Desenhei o “ar” mais irónico,
E com sorriso platónico…
Minha senhora como está?
A mim tanto se me dá…,
Eu quero lá saber da “gaja”…!
Ao senhor cura..., um bem-haja.
Às beatas… como vão…?
Mando á merda o sacristão,
Um lambe botas bailarino,
Por me darem cabo do tino,
Eu hoje liguei o fodam-se!

Cavaleiro.100.dama
Open in new window

 
Autor
cavaleiro.sem.dama
 
Texto
Data
Leituras
135
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.