https://www.poetris.com/
Poemas : 

Numa viagem não solitária

 
A casa agora está (de novo) completa
os sons não são silêncios mudos
são risos e afagos todos desarrumados
habita em cada canto a esperança…

A vida é uma linha (in)certa
os passos que avançam
devem também saber recuar
para avançar…

Os móveis vestidos de pó
sacodem-se para renovarem a energia
não há lugar para o abandono sobre as mesas…

As janelas bebem do sol da manhã
os olharem tocam-se com demora
as mãos unem traços acertados
numa viagem não solitária…

A casa é o altar de conforto
o abrigo dos melhores sorrisos
vestida de memória
nos retratos invisíveis
que as nossas almas recordam!


Ana Coelho
Os meus sonhos nunca dormem, sossegam somente por vagas horas quando as nuvens se encostam ao vento.
Os meus pensamentos são acasos que me chegam em relâmpagos, caem no papel em obediência à mente...

 
Autor
AnaCoelho
Autor
 
Texto
Data
Leituras
101
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
3
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 03/08/2019 19:11  Atualizado: 03/08/2019 19:12
 Re: Numa viagem não solitária
de facto, às vezes dizes umas coisas acertadas. estou admirado! e és alguém importante! olha se não fosses... eheh o português é terrível e eu, talvez também seja; um homem de respeito. a sério. sim senhora, gostei muito deste poema, embora as nossas almas não tenham memória, mas, que ela existe existe, algures no cimo de um corpo mesmo que errático, mesmo que em erupção, mesmo com falhas. a menos que estejamos mortos. a memória distingue-nos.

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 03/08/2019 22:35  Atualizado: 03/08/2019 22:35
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9285
 Re: Numa viagem não solitária
Boa noite AnaCoelho, teus versos exalam o sentir comum da humanidade em detrimento da cada fase do seu viver,em que os elementos circundantes nos norteiam as circusntâncias do momento, parabéns pelo vosso instigante poema, MJ.

Enviado por Tópico
Grapilho
Publicado: 08/08/2019 21:09  Atualizado: 08/08/2019 21:09
Super Participativo
Usuário desde: 03/07/2019
Localidade:
Mensagens: 152
 Re: Numa viagem não solitária
Viva!

A essência da referência
A casa!

Cumprimentos