https://www.poetris.com/
Poemas : 

Hoje!

 
Hoje!
Palavra dissilabo
Paroxítona
Advérbio de tempo
Tempo de falar
Ensaiar
Descomplicar
Compartilhar
Que tudo vai bem
Quando não se depende
Nem sol
Ou da chuva
Porque todo tempo é bom para aquecer
O astral
Seja frio e calor
A vida é boa
Quando se acha e Se completa
Na outra.
Cara a cara
Boca com boca
Corpos quentes
Vibrantes
Verbo encarnado
Jogo limpo
Cartas na mesa
Enquanto você e eu
Só cumplicidade
Porque o muito
É nada
Para nos completar
Em nossos vibrantes anseios
E devaneios!

Por poeta Ecológico
Lizaldo Vieira.


Q U E S E D A N E C U S T O d e V I D A - Lizaldo Vieira
Meu deus
Tá danado
É todo santo dia
O mesmo recado
La vem o noticiário
Com a
estória das bolsas
Do que sobe e desce no mercado
De Tóquio
Nasdaq
São paulo
É dólar que aume...

 
Autor
Lizaaldo
 
Texto
Data
Leituras
34
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.