https://www.poetris.com/
Poemas -> Saudade : 

O brilho do sol

 


Tentei viver uma vida sem você
No entanto, o brilho do sol se tornou frio
As nuvens não deram chuvas
O vento tornou-se tempestade
E a vida acabou...

Ando, vivo e respiro
No entanto, nada na vida tem valor
Você é o brilho do sol
É a chuva das nuvens
É a brisa do vento
Você é a minha vida...

Os dias passam lentamente
Os minutos são eternidades
Numa esperança louca de ter-te
E outra vez poder sorrir.

Por que não voltas
Para o lugar onde eras a felicidade?

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

 
Autor
Odairjsilva
 
Texto
Data
Leituras
65
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
0
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.