https://www.poetris.com/
Poemas : 

Pelas urzes

 
Tags:  despedida  
 
Nos dias em que te sonho
Invade-me a nostalgia,
Já nem vales nem montes
Nem planícies, nem brisas.
Só vejo barragens e cercas,
Dias negros com engrenagens.
Faltam-me as árvores, os troncos
Os rios e os caules.
Sigo por túneis sem pontes
Pelas urzes
Quem sabe uma luz ao fundo.
Quem sabe um vento de arrasto.

Nos cruze em algum mês de agosto
Por entre os nossos caminhos já gastos.




Esqueci

 
Autor
Esqueci
Autor
 
Texto
Data
Leituras
79
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Violante
Publicado: 28/06/2020 21:18  Atualizado: 28/06/2020 21:18
Da casa!
Usuário desde: 10/09/2019
Localidade: Campinas, Brasil
Mensagens: 333
 Re: Pelas urzes
Saudade e esperança. Sentimentos que andam de mãos dadas.
Gostei de seu poema Esqueci. Simples e belo.

Beijo


Carpe diem