https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Desilusão : 

NÃO CONSEGUES SER POETA!

 
Já é noite! E se faz tarde!
Acabei triste e cansado neste dia.
Por momentos parei e suspirei:
(Não sei se senti cobardia!)

- Não consegues ser poeta!

O que escrevo anda errante… distante!...
Só, eu caminho por um trilho diferente
(se é que existe algum caminho!)
Mas, ao som de silêncio, a lembrança voltou,
Poeta a escrever eu sei que não sou…
Mas poeta sou e serei a ouvir a Vossa voz…
A ler e a sentir os poemas de todos vós!



Jorge Oliveira

VISITE E COMENTE O MEU BLOG

Mais poemas em:


http://afacedossentidos.blogspot.com/

<br>
Após este poema surgiu: "Afinal sou poeta: Um Mau poeta"
 
Autor
quidam
Autor
 
Texto
Data
Leituras
575
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.