https://www.poetris.com/
Poemas : 

Encantos da poesia

 
Open in new window

Nada mais sei fazer,
Senão encantar almas
Com versos curtos ou longos,
Que assomam às portas do meu coração

Em cada verso, uma doçura,
Que busca seu coração
Pra lhe dar a conhecer,
O que me vai n’alma

Doçura, só doçura
Doçura de pouca procura,
Está ao alcance do seu olhar,
Na poesia que canto e encanto

Encanto estrelas,
Que adoram encantos da minh’alma,
Quando canto, tiro desencantos à lua
Em noites de serenata

O mar adormece encantado
Com encantos da poesia que canto,
Canto e encanto sereias
Nas profundezas do recife

Nada, nada mais sei fazer,
Senão encantar almas.
Perguntem as rosas do campo,
Dos encantos da poesia que canto

Adelino Gomes-nhaca


Adelino Gomes

 
Autor
Upanhaca
Autor
 
Texto
Data
Leituras
185
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
24 pontos
2
3
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Marineuza
Publicado: 18/10/2020 20:54  Atualizado: 18/10/2020 20:54
Super Participativo
Usuário desde: 08/04/2020
Localidade:
Mensagens: 169
 Re: Encantos da poesia
Uma bela combinação: doçura, estrelas, mar, rosas e poesia.

Parabéns Poeta.


Abraço