https://www.poetris.com/
Poemas : 

O peso do nome

 
Tags:  poeta    poemas    sentido    nome    drummond    desabafar  
 
O peso do nome
 
Se este poema tivesse
a assinatura do Drummond,
isso não tornaria ele bom,
mas daria mais respeito.

Afinal, Drummond não faria
um poema de qualquer jeito...
Alguma coisa ele queria
dizer.
Assim pensam os teóricos.

E tome a estudar o poema...
E tome a escarafunchar,
a destrinchar todo o poema...
Um ponto aqui, uma vírgula ali...

Tudo isso, procurando um sentido
que as vezes o poeta,
não queria dar.
Às vezes ele só fez o poema
afim de desabafar.

A.J. Cardiais
23.11.2010


Um poeta, um sonhador, um buscador, um hippie, um Anarquista... Sei lá! Um vagabundo, tentando melhorar o mundo.Open in new window

 
Autor
AJ_Cardiais
 
Texto
Data
Leituras
87
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
8 pontos
6
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Erotides
Publicado: 12/01/2021 10:29  Atualizado: 12/01/2021 10:31
Da casa!
Usuário desde: 26/02/2020
Localidade: BRASIL
Mensagens: 433
 Re: O peso do nome
Lendo no poetris, lembrei de você sobre ser um anarquista
De : Freud


Enviado por Tópico
Legan
Publicado: 12/01/2021 11:13  Atualizado: 12/01/2021 11:13
Da casa!
Usuário desde: 26/01/2010
Localidade: Algures em Trás-os-Montes
Mensagens: 323
 Re: O peso do nome
Há muitos bons poetas por esse mundo, sem nome... Não é o nome que fará o poema bom...

Um poema pode ter um sentido para o autor e outro completamente diferente para o leitor...


Abraço


Enviado por Tópico
Mr.Sergius
Publicado: 12/01/2021 16:06  Atualizado: 12/01/2021 16:06
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2018
Localidade:
Mensagens: 550
 Re: O peso do nome
Um belo poema e se me permites um tento sobre o assunto. Na arte o nome confere sim peso a coisas que certamente não são as melhores. Não estou dizendo que este é o caso de Drummond e nem que seu poema não é dos melhores.
O que estou dizendo pode-se ver pelas notícias do final do ano passado sobre o leilão de quadro da Tarsila.
Com todo o mérito que ela possa ter, sinceramente, eu poderia reproduzir-lhe o quadro que foi vendido por 58 milhões de forma a causar a exata sensação de estar olhando o original... Não valeria nada. Poderia fazer outro, inédito, no mesmo estilo de forma a dar a sensação de ser um dela original... e não valeria 10 dólares.
Um poema simples assinado por Drummond ou outros da mesma jaez valeria mais que outro lindo e elaborado escrito por um Zé Ninguém...
Se alguém duvida, vela: https://www.facebook.com/sdizioli
Ou aqui:
O original de Salvador Dalí
Open in new window
O meu no início como pintor
Open in new window


E ainda:
Open in new window


o meu
Open in new window