https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Namoro em declínio

 
Open in new window

De longe ficaram amizades,
Já não se dá abraços,
Distância é opção eleita
Pra que a morte não justifique sua ira

Em crise ficaram os mimos,
Beijos congelados
Namoro em declínio,
Oh, que pena! Vazio nos jardins…

Já não se ouve o canto dos pássaros
Nem o chiar dos beijos,
No vazio dos bancos dos jardins,
Só ficaram, o silêncio e o choro dos beija-flores

Prematuro, rosas ficaram órfãs,
Dálias já não luzem ao entardecer,
A ciumenta lua
Jamais contará repetitivos beijos dos namorados

Silêncio, só silêncio…
O trato social já não é o que era
Antes da covid e suas garras invisíveis,
Confinamento e mais confinamento à porta

Adelino Gomes-nhaca


Adelino Gomes

 
Autor
Upanhaca
Autor
 
Texto
Data
Leituras
243
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
27 pontos
3
4
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Upanhaca
Publicado: 16/01/2021 17:57  Atualizado: 16/01/2021 17:57
Colaborador
Usuário desde: 21/01/2015
Localidade: Sol Poente
Mensagens: 6919
 Re: Namoro em declínio
Agora é difícil namorar com o distanciamento:
O quê dos abraços
Das carícias
Dos beijos...
Já não há calor do colo pra namorados.

Enviado por Tópico
Legan
Publicado: 17/01/2021 21:45  Atualizado: 17/01/2021 21:45
Da casa!
Usuário desde: 26/01/2010
Localidade: Algures em Trás-os-Montes
Mensagens: 494
 Re: Namoro em declínio
Triste mas é a realidade...

Muito bom

Abraço