https://www.poetris.com/
Poemas : 

Eu e você em uma noite de chuva

 
Eu e você em uma noite de chuva
 

As gosta batendo no seu rosto, o corpo arrepiando com as gotas de chuva fria escorrendo sobe a pele, caindo na boca deixando o beijo ainda mais molhado fazendo o prazer e o êxtase mais e mais aumentado...

Os mamilos entumecidos pelo prazer da sua boca quente a suga-los com avidez, e a mordisca-los com suavidade delicadeza a excitação do momento memorável...

A água escorrendo pelas minhas costas marcando cada curva do meu corpo nu sob a fraca luz que era a única testemunha daquela cena de intensa paixão, incomparável a sensação das sua mãos a me agarrar forte não permitindo o afastamento de nossos corpos sedentos de prazer...

Não avia outra forma de dizer quanto mais chuva mais o prazer se estar em seus braços crescia!

Uma mistura do calor dos nossos corpos com a fria água da chuva só aumentava nosso prazer...


Sol Pitanga

 
Autor
SOLPITANGA
 
Texto
Data
Leituras
169
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 29/05/2021 13:23  Atualizado: 29/05/2021 13:23
 Re: Eu e você em uma noite de chuva
em uma... ó rapariga, apanhas uma gripe que nunca mais poderias ver o gajo à tua frente. aliás, com tanta chuva a coisa do gajo nem levantava, a menos que a droga fosse mesmo mas mesmo, boa.