https://www.poetris.com/
Sonetos : 

Sentado no Corredor da Morte

 
Tags:  #corredordamorte  
 
Sentado no Corredor da morte
Sem nada para contar
Espero que alguém dë o mote
Aquele que tenho de enfrentar

Não fui eu que roubei ao duende o pote
Aquele que permitia fazer sonhar
Mas a verdade não existe quem a arrote
Ficam todos a chorar

Encobertos pelo capote
Aquele de quem sabe contornar
Visto possuir um enorme malote

Para conseguir colocar no ar
Um que saiba dar o garrote
E não faça uso da capacidade de pensar!!!

 
Autor
sisnando
Autor
 
Texto
Data
Leituras
86
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.