https://www.poetris.com/
Poemas -> Desilusão : 

Vestígios

 
Se tudo isso que sinto agora
Não faz sentido algum
Qual seria, então, a razão
Para tanto lhe querer bem?

Em mim arde o desejo intenso
De um forte sentimento
Que sinto todas as vezes
Que lembro de sua imagem adorada.

Não posso viver sempre assim
Com o coração tão vazio
Se você não é real em mim
Por que, então, devo sonhar?

Que o tempo te apague de mim
Que vá para sempre os vestígios
Deste sentimento ruim
Que só existe nos meus pensamentos.

Longe de você, quem sabe,
Existirá um horizonte para mim
Como o nascer do sol
Depois de uma noite tenebrosa.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

 
Autor
Odairjsilva
 
Texto
Data
Leituras
173
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.