https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

O eufemismo das acorrentadas letras

 
 



A nossa poesia
Um dia
Foi projeto
De aprendizado

Foi companhia

Foi Confessionário

Ultrapassou
O obstáculo
Blindado
Da timidez
E se fez
Blandícia
Meiguice
Apatia

As linhas
Das palavras
E dos seus acentos
Ganharam
Traços de pele

Saíram das folhas
E encontraram
O Som das cordas
Prendendo os apegos
Lançando os lábios
Aos beijos


O monólogo Sonho
Pariu

Tudo incendiou
Em nós
O tal verde
Nu
Do amor

E tudo foi





“Acredito que o céu pode ser realidade, mas levarei flores para o pai - Erotides ”

 
Autor
agniceu
Autor
 
Texto
Data
Leituras
249
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
9 pontos
3
3
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
AliceMaya
Publicado: 09/02/2024 10:34  Atualizado: 09/02/2024 22:09
Super Participativo
Usuário desde: 02/02/2024
Localidade:
Mensagens: 102
 Re: O eufemismo das acorrentadas letras p/ agniceu
Olá agniceu.

Como é bonita a forma como pensas as palavras e as juntas!
A nossa poesia... foi confessionário.
Como se se buscasse o perdão no amor, ou na escrita.
Palavras... ganharam traços de pele
As palavras ganharam vida, emergiram do papel, apesar das letras acorrentadas (do título; porquê eufemismo, pergunta o leitor. Como estarão as palavras, pior que acorrentadas?)
O sonho é afinal monólogo...
Não é um amor destes a dois?
O sonho pariu
E deu à luz, mostrou que, afinal....
O sonho era verde
Imaturo, ainda não deveria ter sido colhido, não crescido, não maduro. Nu?
Despido? Sem conteúdo? Pobre e desconcertado? Nada? Porque acabou de ser partido pelo sonho?
Incendiou e tudo foi...
Incendiou pelo fogo, queimando-se, destruindo-se, acabando? O sonho de Um dia, que ultrapassou obstáculos, terminou...
Ou, ao invés, incendiou tudo o que estava errado e que o fogo enxotou? Um amor renascido? Uma fénix? Ou o sonho incendiou o tal verde, qual assado ou cozedura, tornando o amor um diálogo, um fogo ardente de dois?
Acho que acredito mais na primeira.
E isso importa?
Importa antes o poema construído com tanta subtileza, as palavras escolhidas com cuidado, os traços de um desenho muito bem pintado.

E a escolha musical não poderia ser melhor.
Obrigada e parabéns!
Abraço Maya!


Enviado por Tópico
AliceMaya
Publicado: 09/02/2024 10:35  Atualizado: 09/02/2024 22:08
Super Participativo
Usuário desde: 02/02/2024
Localidade:
Mensagens: 102
 Re: O eufemismo das acorrentadas letras
V. Acima, pf