https://www.poetris.com/
 
Prosas Poéticas : 

A natureza

 
Tags:  natureza  
 
Meus irmãos, porque destroem a vossa querida mãe Terra?
Vocês mutilam-na, violam-na e abusam dela como se fosse feita de papel e antes de ela sucombir ás mãos do capitalismo, ainda pude ver as suas raizes quase secas e o seu coração de ouro, corrumpido por dólares americanos.
Pois já presenciei as ávores a serem cortadas ou a mudarem de lugar, os animais a fugirem do som triturante das máquinas e a água secou os seu próprios rios, para não morrer envenenada, lentamente, das contaminações químicas.
e por fim, também observei, as rochas desparecerem para nã soferem mais exporações, as aves migraem para o espaço para não serem derrubadas por esses gigante mecânicos do ar(aviões) quando devia ser as águias as senhores do céu.
Mas antes de morrer, ainda quero ver a gritante dor das borboletas a transformar-se na mais bela vingança contra o Homen.

 
Autor
deep felling
 
Texto
Data
Leituras
704
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.