https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Saudade : 

O passado

 
Tags:  amor    saudade  
 
Open in new window


O amor que veio como um vento
Tornando-se tempestade...
Plantou em meu peito amor,
Mas partiu deixando saudade.




Open in new window

¯`v´¯)
.`•.¸.•´Elliana Alves
¸.•´¸.•´¨) ¸.•*¨)
(¸.•´...

 
Autor
ellianaalves
 
Texto
Data
Leituras
828
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
6 pontos
6
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 27/07/2009 17:17  Atualizado: 27/07/2009 17:17
 Re: O passado
Que lindo!

Conheço tão bem esse amor!
Ele fere como uma faca de dois gumes!

Parabens linda!
Beijos carinhosos!
Rosa

Open in new window

Enviado por Tópico
Liliana Jardim
Publicado: 27/07/2009 17:20  Atualizado: 27/07/2009 17:20
Luso de Ouro
Usuário desde: 08/10/2007
Localidade: Caniço-Madeira
Mensagens: 4527
 Re: O passado
È o passado sempre presente.
Belo pensamento, poetisa

Jinhos
Tudo de bom para ti

Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 27/07/2009 18:02  Atualizado: 27/07/2009 18:02
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: O passado
Adorei o teu pensamento, Elliana.
Lindo, lindo
Beijoca,
Vóny Ferreira

Enviado por Tópico
gil de olive
Publicado: 27/07/2009 19:35  Atualizado: 27/07/2009 19:35
Colaborador
Usuário desde: 03/11/2007
Localidade: Campos do Jordão SP BR
Mensagens: 5046
 Re: O passado
Embora tristinha, ficou bonita sua trova!

Enviado por Tópico
ângelaLugo
Publicado: 29/07/2009 07:27  Atualizado: 29/07/2009 07:27
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2006
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 14956
 Re: O passado p/ ellianaalves
Olá querida amiga

O amor vem e faz florir a vida
e quando parte vem a saudade do
perfume da flor que ele deixou

Lindo lindo amiga

Beijinhos de saudade

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 22/08/2009 14:36  Atualizado: 22/08/2009 14:36
 Re: O passado
O amor é com o sexo bem feito, a gente nunca quer que acabe, mas assim como amamos de novo... circulo natural das coisas.