https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Desilusão : 

CORAÇÃO DOENTE

 
Tags:  reflexão    desilusão  
 

CORAÇÃO DOENTE

Quando dói o coração
Não tem jeito
São lágrimas que vem de dentro
Do fundo do peito
Não sou perfeito
Sou pensamento
Sou folha seca
Que baila no vento
Sem tom, sem cor, sem sabor...
Barco que navega entre a dor
Encalhado no porto
Sem calor, sem amor...
Deveras, eu soubesse
O dia de amanhã, zombaria de hoje...
Esqueceria o ontem
Renasceria depois de amanhã
Mais... Quando dói o coração
O orgulho chora baixinho
De mansinho, bem de mansinho...
É o medo da solidão
Se faz presente todo momento
A transparência do sentimento
Não a hipocrisia, apenas lamento...
Liberdade sofrida de expressão
Os olhos falam o que sente o peito
Pudera olhares em meus olhos
E conversares com meu coração.

Pelo autor Marcelo Henrique Zacarelli
Julho de 2002 no dia 22
Itaquaquecetuba (sp)


Marcelo Henrique Zacarelli

Deveras, eu soubesse
O dia de amanhã, zombaria de hoje...
 
Autor
Marcelo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
3053
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
ângelaLugo
Publicado: 18/02/2009 00:08  Atualizado: 18/02/2009 00:08
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2006
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 14977
 Re: CORAÇÃO DOENTE p/ Marcelo
Caro Marcelo

Muito lindo este teu poema, mesmo falando da
dor do amor, mas quem não chora por amor jamais
amou....

Beijinhos no coração