https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Chaga

 
Chaga
 
Foi como entrar,
Foi como arder,
Para ti nem foi viver.

Foi como mudar o mundo
Sem pensar em mim
Mas o tempo até passou.

E és o que ele me ensinou
Uma chaga para lembrar
Que há um fim...

Diz sem querer, poupar meu corpo
Eu já não sei quem te abraçou.
Diz que eu não senti teu corpo sobre o meu
Quando eu cair eu espero ao menos
Que olhes para trás.

Diz que não te afastas
De algo que é tambem teu!
Não vai haver um novo amor
Tão capaz e tão maior
Para mim será melhor assim...

Vê como eu quero e vou tentar,
Sem matar o nosso amor,
Não achar que o mundo
É feito para nos...

Foi como entrar
Foi como arder
Para ti nem foi viver.

Foi como mudar o mundo
Sem pensar em mim
Mas o tempo até passou.

E és o que ele me ensinou
Uma chaga para lembrar
Que há um fim...


A Poesia nao é de quem a escreve, mas sim de quem a usa" - Pablo Neruda

 
Autor
Zorlack
Autor
 
Texto
Data
Leituras
678
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 23/02/2009 02:54  Atualizado: 23/02/2009 02:54
 Re: Chaga
Lindo, chagas que ficam. bjus