https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Reflexão : 

FALAR COM AS MÃOS

 
Tags:  amor    saudade    dor    desilusão    ilusão    sentimento  
 

FALAR COM AS MÃOS

Gis branco no quadro negro
Simplório, meus pensamentos
Desenho teu rosto a imaginação
Como uma música suave em vão
As cores deste mundo são negras
Como óperas de um estarrecido ser
Porém é assim que me vejo sem me ver...
Faz desta vontade um barro amolecido
E molda a tristeza em mil faces ocultas
És um artista da vida que duvida da vida
Que fala com as mãos e olha com o coração
Tua face como tinta escorrida
Ensinou-me o caminho da luz
Pintei-te como mulher no ato da loucura
No pecado, insensato da ternura...
Ao tocar teus lábios com borras de tintas
Descobri na tela iludida desta vida
Que este poeta miserável e cego
Fala com as mãos e pinta com o coração
Só assim pode se enxergar o amor e a perfeição.

Pelo poeta Marcelo Henrique Zacarelli
Abril de 2009 no dia 08
Arujá (sp)




Marcelo Henrique Zacarelli

És um artista da vida que duvida da vida
Que fala com as mãos e olha com o coração...
 
Autor
Marcelo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
788
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Fhatima
Publicado: 09/04/2009 00:33  Atualizado: 09/04/2009 00:33
Colaborador
Usuário desde: 12/02/2008
Localidade: Joinville - SC
Mensagens: 3411
 Re: FALAR COM AS MÃOS
Poeta Marcelo,

Tua poesia expressa uma tristeza imensa, uma dor na alma. Poema escrito com o coração e relembrado pela alma.

Parabéns, apesar de triste está muito lírico.

Fhatima