https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Espírito Inquieto

 
Tags:  amor    dor    desilusão    sonhos    prazer    inquietação  
 
Eu na minha voz
te consigo discernir,
a vibrar na palavra
dentro de mim.

Com enorme alegria
sinto o céu comigo,
no zumbido de tuas preces
invadindo meu templo.

Sussurras-me aos ouvidos
símbolos escondidos,
e um dia me inicias
a verdade dos antigos.

E a natureza se revelou,
nua, crua e bela.
E a verdade te apoderou,
branca, numa tela.

E eu...

Aos teus olhos
te decepcionei.
Ocultei a realidade,
em jogos me viciei.

No fundo, viver,
é movimento e transição,
e nada é permanente.
Por isso sonho inquietação.

 
Autor
FaustSotam
 
Texto
Data
Leituras
814
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
RoqueSilveira
Publicado: 19/04/2009 23:21  Atualizado: 19/04/2009 23:21
Colaborador
Usuário desde: 31/03/2008
Localidade: Braga
Mensagens: 8205
 Re: Espírito Inquieto
Vim aqui directa, sabia qu ia encontrar temas de que gosto, como este. Boa noite