Poemas : 

Voando nos espaços de teu corpo

 
Tags:  amor    poesia    paixão    sonho    delírio  
 
Vou voar distantemente,
com meu pensamento teu corpo percorrer,
por cada cavidade tua constatar
o meu amor delirante, atordoante.

Não serei uma borboleta,
inseto ou qualquer coisa comum,
serei uma ave distinta, rara e atrevida,
que percorrendo sobre teu corpo descobrirá,
os teus mais tenros segredos.

Em ações diferemente delirantes,
siglas de um amor constante,
nesse voou vou te fazer sentir
o quão grande pode ser um amor,
o quão satisfatório pode ser me amar.

E se nesse voou eu vacilar,
não mentirei jamais em declarar
que meu amor por tí é tão imenso
que sequer em número sei contar.


Conde Guaraní
O Conde da Liberdade e das paixões.
JGB

 
Autor
CondeGuarani
 
Texto
Data
Leituras
654
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.