https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Góticos : 

Anjo Negro

 
Eu estava andando pela noite
Derepente eu percebi um barulho nos ventos
Um anjo como se a voz tivesse cantando um conto

Pela fria e tempestuosa noite
Voa um anjo
O anjo negro
Pele branca,lábios vermelhos e grande cabelo negro comprido
Sua asa está quebrada
O anjo guardião

Ouvindo sem fôlego para a voz dela
Que foi tocada em mim como o meu coração
Eu senti as lágrimas pelo meu rosto

Pela fria e tempestuosa noite
Voa um anjo
O anjo negro
Pele branca,lábios vermelhos e grande cabelo negro comprido
Sua asa está quebrada
O anjo guardião

A tempestade arrasta nas roupas dela
Como um guerreiro invisível
Sua asa quebrada com um barulho
Tão regugnante que congela meu coração
A voz dela ficou fraca
Perdendo essa luta da escuridão

 
Autor
Felipe.
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1919
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
2
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Blackbird
Publicado: 09/06/2009 23:20  Atualizado: 09/06/2009 23:20
Super Participativo
Usuário desde: 11/07/2008
Localidade: Cacem
Mensagens: 146
 Re: Anjo Negro
eu gosto do seu poema, está muito suave em termos da escrita e é uma tematica que gosto bastante e sobre a qual já pensei em escrever

Enviado por Tópico
hayley
Publicado: 01/10/2010 16:52  Atualizado: 01/10/2010 16:52
Novo Membro
Usuário desde: 06/09/2010
Localidade: aveiro
Mensagens: 10
 Re: Anjo Negro
usou muito bem as palavras no seu poema... gostei muito continue..beijinho