Poemas : 

Missão: amor!

 
Tags:  amor  
 
Voo bem alto fitando o horizonte.
Abro as asas reais e aplainando,
Distancio-me deste mundo imaginando
O amor surgir como água na fonte!

Bato à porta dos deuses Romanos.
Atende-me Baco embriagado e festivo,
Oferece-me a Príapo (que insanos!)
Como se eu fosse algum aperitivo!

Os Gregos também por ali estão
(H)era, quem eu queria encontrar,
Apenas seus olhos se mostram,
Imponente deusa, rainha do lar!

"O Mundo sente muito a tua falta!"
É a mensagem que urgentemente lhe entrego.
"Traz o teu poder de novo à ribalta,
Não sou só eu que te prego!"

A minha missão está cumprida
Abro as asas reais e aplainando
Distancio-me deste mundo onde a vida
É o jogo que eles vão comandando!

Desço serenamente e com esperança
Marcado no meu corpo letrado.
"Depois da tempestade vem a bonança."
Espero piedade para o povo amargurado.

Como um falcão gerifalte e raro
Procuro um Rei doce para coroar
O meu coração bárbaro e caro,
Nidificando o nosso castelo com o verbo "amar"!


@Olga Silva

 
Autor
Olga Silva
 
Texto
Data
Leituras
1338
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
poesiadeneno
Publicado: 14/07/2009 10:11  Atualizado: 14/07/2009 10:11
Colaborador
Usuário desde: 27/06/2009
Localidade:
Mensagens: 1405
 Re: Missão: amor!
OLga,

Um belo poema.
A mitologia ao serviço
da criatividade poética.
Gostei muito.