https://www.poetris.com/

 
Textos deste autor
Offline
Nanda
O direito de amar
Eu defronte da vida, ausente de mim Ao redor um céu que me é estranho São muitas perguntas, todas...
Enviado por Nanda
em 20/09/2012 22:48:51
Textos deste autor
Offline
Nanda
Os renegados
Cortaram-me os pulsos Cerraram-me os dentes Embargaram-me a voz Mutilaram-me os membros Cast...
Enviado por Nanda
em 19/05/2012 21:10:05
Textos deste autor
Offline
Nanda
Tenho andado a monte
Tenho andado a monte Faz tempo que não me encontro Também, nunca dei por falta de mim Chego a qu...
Enviado por Nanda
em 02/03/2011 20:41:12
Textos deste autor
Offline
Nanda
Alma ostracizada
Há um precipício eminente Uma falésia escarpada Um delírio imprudente A vida feita de fachada Já...
Enviado por Nanda
em 09/05/2010 17:55:38
Textos deste autor
Offline
Nanda
Poema indolente
Entrego-me virgem à minha indolência Eu mesma abandono os versos que escrevo Congelo as palavra...
Enviado por Nanda
em 06/02/2010 21:10:00
Textos deste autor
Offline
Nanda
Não são os outros!
Deixei que a energia se esgotasse que a alegria virasse desalento minh´alma é sóbria e vive no de...
Enviado por Nanda
em 25/01/2010 16:22:42
Textos deste autor
Offline
Nanda
Já chega!
Já chega! Vou empurrar a depressão Para o fundo de um alçapão Parece até que tenho olhado Juro qu...
Enviado por Nanda
em 01/12/2009 00:20:13
Textos deste autor
Offline
Nanda
Sou só um lamento!
Por dentro da minha vidraça... Observo a chuva que gela a alma e é senhora do tempo condicionante...
Enviado por Nanda
em 14/12/2008 17:40:28
Textos deste autor
Offline
Diogommalves
Por entre as leis da apatia
A apatia dos homens renega as leis do pensamento. Fugás o que escapa por entre a inercia do momen...
Enviado por Diogommalves
em 07/02/2008 12:49:24