https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Segunda Feira

 
Um pequeno pecado jaz morto
nos braços de um raio de luz
- o perdão estampado no círculo do olhar
deu fim a um inocente.

Sem festa, o corpo se apaga
como uma vela de segunda feira.

O coração veste-se de uma apatia fluida
que lhe escorre, incessante
- tão vivo e tão alegre o erro
enquanto o caminho reto
não fede nem cheira.

 
Autor
Amora
Autor
 
Texto
Data
Leituras
655
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
10
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
HorrorisCausa
Publicado: 13/10/2009 17:03  Atualizado: 13/10/2009 17:03
Colaborador
Usuário desde: 15/02/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 2699
 Re: Segunda Feira
...e lá se foi mais um fim de semana, espera-se o próximo enquanto a vela se reacende.

beijo


Enviado por Tópico
Caopoeta
Publicado: 13/10/2009 17:20  Atualizado: 13/10/2009 17:20
Colaborador
Usuário desde: 12/07/2007
Localidade:
Mensagens: 2027
 Re: Segunda Feira
..é bom saber da rendiçao de um corpo momentos antes de se apagar ou viajar na eternidade de uma luz.
seja de conhecimento ou vencimento do dia findo.
para depois voltar ao inicio no dia seguinte.


beijo querida amora.


Enviado por Tópico
Conceição Bernardino
Publicado: 13/10/2009 18:37  Atualizado: 13/10/2009 18:37
Colaborador
Usuário desde: 22/08/2009
Localidade: Porto
Mensagens: 3332
 Re: Segunda Feira
simplesmente soberbo
que essa vela nunca se apague nos teus dedos

beijo


Enviado por Tópico
fogomaduro
Publicado: 13/10/2009 23:41  Atualizado: 13/10/2009 23:41
Colaborador
Usuário desde: 06/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1478
 Re: Segunda Feira
«- tão vivo e tão alegre o erro/enquanto o caminho reto/não fede nem cheira.»

por tentativa e erro, muitos são os nossos passos e os actos.

belo poema.

DM


Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 14/10/2009 02:57  Atualizado: 14/10/2009 02:57
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: Segunda Feira
O perdão demora o mesmo tempo da vela a arder.
E o erro sabe, que ele, e só ele tem vez.
O corpo volta a se acender na luz do dia seguinte...
Querida, meu olhar é torto...
Amei! Bjs