https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Natal : 

Oxalá o amor venha de trenó!

 
Oxalá o trenó acarrete o amor
e as renas o acudam, sorrindo!
Porque os sinos tocam desordeiros
enquanto estrelas vão decaindo,
nos meus sonhos de Natal.

Oxalá o trenó traga presentes e futuros
e portas abertas, com entradas e saídas!

Oxalá as desilusões tragam corações
abraçados em beijos e não partidos!
Porque eu só quero uma caixinha de musica,
flocos de neve caídos do céu
e lembranças proibidas!

Oxalá este Natal seja azul!
Tão azul
como o chapéu das emoções.
Quero ver-te além do espelho,
agarrar-te ternuras dóceis
e tê-las por companhia,
todo o meu Inverno…

Oxalá a luz venha revestida da seda
para açucarar o doce do meu pranto
e nos reflexos das tradições,
ter desejos da juventude.

Porque eu só quero uma caixinha de musica,
dar vivas ao amor e num pedido escrito
falar no ouvido do Pai Natal.

Oxalá venhas de trenó
e de mãos cheias a trazer a paz ao mundo,
na mensagem do silêncio
a harmonia,
caridade, respeito e tolerância,
e que tudo isso chegue
em abundância!

Oxalá tragas o cartão colorido
afecto e amor como carimbo!
Hoje,
vou ficar agarrada á fé que tenho,
numa conspiração só.
Porque em mim
nasce uma criança a cada dia,
a morar no meu destino.

É Natal
a vida é o milagre maior!


Há uma estrela no céu que brilha,
e os Reis
já vão a caminho
numa só voz cantam o hino,
este, não é um Natal qualquer!

Oxalá esteja feita a lista
para os bons e os maus
e eu só quero uma caixinha de musica
enquanto a noite cai fria.

Há flocos de neve espelhados no ar
só vejo mortos vivos!
Um mundo cego pela hipocrisia
e tudo é, tão simples!

Oxalá seja este para todos
o perfeito Natal!
Só peço uma caixinha de musica
Para adoçar todos os meus dias do ano!
É pedir muito?

Open in new window


Inéditos de Rosa Magalhães
(Imagens da internet)
com 3 Livros Editados
1º "Pérolas de Amor"
2º "Acrósticos de Poesias"
3º "7 Vidas de Afectos"
Rosa Magalhães

 
Autor
ROMMA
Autor
 
Texto
Data
Leituras
2179
Favoritos
4
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
58 pontos
26
0
4
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
AlexandrinaPereira
Publicado: 10/11/2009 23:05  Atualizado: 10/11/2009 23:05
Participativo
Usuário desde: 30/11/2008
Localidade: Palmela
Mensagens: 43
 Re: Oxalá o amor venha de trenó!
Quero agradecer a viagem que me proporcionou através de cada verso deste lindíssimo poema! Senti os flocos de neve, ouvi os sinos, "senti" Natal!

Obrigado ROMMA.

Alexandrina


Enviado por Tópico
Gyl
Publicado: 10/11/2009 23:15  Atualizado: 10/11/2009 23:15
Membro de honra
Usuário desde: 08/08/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 15132
 Re: Oxalá o amor venha de trenó!
Oxalá que venha essa caixinha de música
Toda envernizada e com uma fita amarela;
Que ela traga uma bailarina linda, daquela
Que gira, gira, com uma flor na pelúcia
Morena dos cabelos tão doces e meigos!...

E meiga e cheia de ternura é tua poesia,
Morena das terras ancestrais e longínquas...
Cada palavra uma flor de amor e candura
Que penetra macio no coração dessa vil...
Criatura!

Beijos estrelados com sabor de pêssegos
Amalgamados com as essências mágicas;
Beijos mil que te envolva o corpo inteiro,
Princesa literária que para mim é uma Fada!

Beijos!


Enviado por Tópico
Avozita
Publicado: 10/11/2009 23:23  Atualizado: 10/11/2009 23:23
Colaborador
Usuário desde: 08/07/2009
Localidade: Casal de Cambra - Lisboa
Mensagens: 4531
 Re: Oxalá o amor venha de trenó!
Adorei ler o seu poema recheado de belas imagens, envolvidas pela neve que caia ao som dos sinos...

Parabens.
Antonieta


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 10/11/2009 23:39  Atualizado: 10/11/2009 23:39
 Re: Oxalá o amor venha de trenó!
poetisa Romma. venha o amor em qualquer transporte , venha simplesmente. um poema fantástico de uma beleza cativante. imagens muito sentidas e bem passadas ao leitor. um primor!

Natal é hoje, amanhã e sempre, na paz em qualquer lugar.

favorito

abraço


Enviado por Tópico
Moura365
Publicado: 11/11/2009 00:39  Atualizado: 11/11/2009 00:39
Colaborador
Usuário desde: 23/10/2009
Localidade: Rio tinto-Porto
Mensagens: 2284
 Re: Oxalá o amor venha de trenó!
Fantástico este poema, ROMMA!

Descreves de uma forma soberba, o teu desejo de amar.
Gostei especialmente destes versos.

"Oxalá as desilusões tragam corações
abraçados em beijos e não partidos!
Porque eu só quero uma caixinha de musica,
flocos de neve caídos do céu e lembranças proibidas."

Belíssimo!

Parabéns!

Beijocas

Gil


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 11/11/2009 00:40  Atualizado: 11/11/2009 00:40
 Re: Oxalá o amor venha de trenó!
Oxalá ler sempre poemas tão lindos quanto os teus...li e reli
parabéns
MARY


Enviado por Tópico
amandu
Publicado: 11/11/2009 00:48  Atualizado: 11/11/2009 00:48
Colaborador
Usuário desde: 24/03/2008
Localidade: LISBOA
Mensagens: 3651
 Re: Oxalá o amor venha de trenó!
O MOMENTO QUE SE VIVE É ASSIM. SENTI-ME A ROUBAR ALGO NESTE NATAL TEU. SABES SE FOSSE DADO A NATAL O TEU POEMA ESSE SIM SERIA O PREDILECTO E MESMO MAIS NATAIS POR TODO O MUNDO.
GOSTEI TAMBÉM.
ABRAÇO ROMMA PARA SI.
AMANDU


Enviado por Tópico
rosafogo
Publicado: 11/11/2009 13:03  Atualizado: 11/11/2009 13:03
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2009
Localidade:
Mensagens: 9599
 Re: Oxalá o amor venha de trenó!
Lindo amiga

Poema de grande força e beleza, lembrando também a inocência dos natais da infância. Fizéste-me mergulhar em mim mesma, no passado , nos momentos
de ansiedade por receber uma coisa mínima mas cheia de importância.Vivências que não se esquecem.
Oxalá recebas a tua caixinha de música, e que ela te traga muito amor e felicidade.
Acredito que em ti nasce uma criança a cada dia,
porque tu és linda.
Fico fazendo votos para que seja um bom período, sereno,
e que traga a paz que desejanmos para todo o mundo.

Beijinho ROMMA
rosa


Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 11/11/2009 23:47  Atualizado: 11/11/2009 23:47
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: Oxalá o amor venha de trenó!
Ah, querida!
Que esse seu poema deveria virar cartão de natal!
Sabes, esse ano fui convidada a participar de uma exposição com tema de natal. Pensei: Deus, o que
vou fazer? Da vontade de escrever seu poema em uma tela enão ter mais que pensar, deixar voce falar!
Lindo! Vou ter que levar à francesa, rs! bjs


Enviado por Tópico
joseluislopes
Publicado: 12/11/2009 19:53  Atualizado: 12/11/2009 19:53
Colaborador
Usuário desde: 22/03/2009
Localidade:
Mensagens: 3351
 Re: Oxalá o amor venha de trenó!
Falar do Natal é como meteres todos os sinos desta nossa cidade a tocar dentro desta cabecinha. Adoro o Natal, nada de especial, penso que poucos dirão o contrário.
Sendo assim Rosa, o que mais aprecio no teu poema é que ele traduz o espírito da autora, um espírito que só consegue escrever assim se tiver o Natal dentro de si.

Tu tens dentro de ti essa bondade, muitas vezes tão difícil de encontrar nos homens fora da quadra natalícia. A bondade associada à escrita só pode dar momentos belos de leitura.
Adorei a tua caixa de música
Beijo Rosa
JLL


Enviado por Tópico
arfemo
Publicado: 13/11/2009 00:03  Atualizado: 13/11/2009 00:03
Colaborador
Usuário desde: 19/04/2009
Localidade:
Mensagens: 4812
 Re: Oxalá o amor venha de trenó!
(comentário de quem não esteve por cá nestes dias!)

às vezes nos dias sem cor, leio e releio poemas anteriores (e até comentários, que neles tb muito se aprende) e formo uma opinião (correcta ou não, é a minha...). Ao ler este poema, mais do que apreciar o poema (e é muito bonito na sua candura luminosa), vejo o autor nos versos que derrama...e gostei muito do que vi, verso a verso...

Beijinho Romma
arfemo


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 13/11/2009 23:22  Atualizado: 13/11/2009 23:22
 Re: Oxalá o amor venha de trenó!
Belo, maravilhoso este teu hino ao Natal.Parabéns.

Votos de bom final-de-semana.

Tudo de bom.


Enviado por Tópico
Fhatima
Publicado: 18/11/2009 23:34  Atualizado: 18/11/2009 23:34
Colaborador
Usuário desde: 12/02/2008
Localidade: Joinville - SC
Mensagens: 3386
 Re: Oxalá o amor venha de trenó!
Olá Romma,
Como é maravilhoso ler-te, o romantismo, a musicalidade, as palavras saem como luz a iluminar os corações, admiro-te pela tua escrita perfeita e lírica.

Um beijinho na alma

Fhatima