https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Reflexão : 

Caminhos perdidos

 
Um dia perdido no que não sou
Num corpo encontrado onde não estou
Vagueio pelos contornos da sua figura
Sabor a saudade que me larga amargura
Dei ao tempo um tempo para o apagar
Cai nos recantos sombrios dos segundos
No gélido querer do melhor destes mundos
Caminho uno que te rasgaste em metades ao comprido
Tanto que em mim lutei para te mater unido
Vereda que se transformou em duas
Antagónicas não verdades ... mentiras nuas
Sobram as palavras esculpidas pelo sentir
Escolha estendida ao meu partir
Fica a lacuna entre o mim e o eu
Vazio a preencher com algo não meu
Torno-me bandoleiro, gatuno de carinhos
Nacos de luz, aos meus passos... novos caminhos!!!

Beijos e Abraços
Das Chamas do Fénix

 
Autor
Fénix
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1472
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.