https://www.poetris.com/

 
(1) 2 3 4 ... 7 »
Offline
Fénix
Lua mulher
Escolhi a Lua como lar, como casa abrigo que me acolhe nas noites frias de solidão. Não é perto n...
Enviado por Fénix
em 28/03/2011 13:24:29
Offline
Fénix
Caminhos perdidos
Um dia perdido no que não sou Num corpo encontrado onde não estou Vagueio pelos contornos da sua ...
Enviado por Fénix
em 04/12/2009 15:06:42
Offline
Fénix
Corrente...
Caminho nos elos da tua corrente Paro Ausência do meu ente Gélido este sentir ausente Tombo S...
Enviado por Fénix
em 02/12/2009 09:21:33
Offline
Fénix
A Carta...
Desdobro-me sobre ti Abro-te como aquela carta tua Experimento-te nas frases em que te li Possuo...
Enviado por Fénix
em 30/11/2009 11:37:27
Offline
Fénix
Abandono...
Deixo-me cair no abandono Abandono das pálpebras ao sono Deixo que suba a maré Que me aclare com ...
Enviado por Fénix
em 23/11/2009 11:41:57
Offline
Fénix
Ecos...
Arrasto-me sobre os pedaços da minha história Dias em cima de dias enterrados na memoria Ergo os ...
Enviado por Fénix
em 19/11/2009 23:06:52
Offline
Fénix
Menina, mulher...
Menina mulher de olhos tristes Que tombo após tombo levantas... resistes Menina fêmea que me enlo...
Enviado por Fénix
em 12/11/2009 11:04:17
Offline
Fénix
Mentiras...
Não verdades castradoras Palavras desonestas sentidas... sem asas voadoras Ditas olhos nos olhos ...
Enviado por Fénix
em 12/11/2009 11:01:04
Offline
Fénix
Ausência...
Ausência de tudo... pureza do nada Silencio frio absoluto Nada se solta da boca calada Nada cai s...
Enviado por Fénix
em 12/11/2009 10:59:42
Offline
Fénix
Revelo-me...
Revelo segredos em mim contidos Sonhos por viver ou já vividos Revelo-me em gritos mudos indiscre...
Enviado por Fénix
em 20/10/2009 10:17:34
Offline
Fénix
Vazio Perfeito...
No vazio perfeito que me abarca a vida Construo com vício uma não calma escondida Grãos em cima d...
Enviado por Fénix
em 06/10/2009 09:54:32
Offline
Fénix
O meu mar...
Hoje voltei às minhas origens… Voei em picado pela sombra das minhas vertigens… Hoje voltei ao me...
Enviado por Fénix
em 28/09/2009 08:08:16
Offline
Fénix
O meu Alentejo...
Erguido entre muralhas de pedra cal Brancos espelhos ao Sol do meu Alentejo Tapetes ao rubro no v...
Enviado por Fénix
em 28/09/2009 08:07:02
Offline
Fénix
Parto...
Descrevo sem acerto um sopro que não te chega ao sentir Tento marcar as minhas pegadas no teu fir...
Enviado por Fénix
em 25/09/2009 09:47:26
Offline
Fénix
Queria ser...
Queria ser uma ave... ter asas... voar Queria ser um homem... ter imaginação ... fantasiar Queria...
Enviado por Fénix
em 07/07/2009 16:24:18
Offline
Fénix
Não há poesia...
Não há poesia... Há apenas maresia Aroma a mar... lastro da hora vazia Não há poesia... Há apenas...
Enviado por Fénix
em 06/07/2009 15:42:18
Offline
Fénix
Vórtice...
Pensamentos em espiral Sonhos sonhados para lá do sentir Onde tudo é nada e nada é normal No vórt...
Enviado por Fénix
em 01/07/2009 07:49:02
Offline
Fénix
Latejar...
Sinto-me a latejar Ondas sobre ondas ... num ir e voltar Latejo sem qualquer pudor ou pejo A cada...
Enviado por Fénix
em 24/06/2009 12:28:34
Offline
Fénix
Vento...
Vento que não te vejo, mas me tocas a face Que na tua invisibilidade estás presente Vento sopro d...
Enviado por Fénix
em 19/06/2009 09:11:04
Offline
Fénix
Infinito...
Numa mão guardo o teu toque Na outra guardo as promessas As saudades são como vespas E a loucura ...
Enviado por Fénix
em 16/06/2009 13:00:39
(1) 2 3 4 ... 7 »