Poemas : 

Ânsia de você

 
Ansiedade de ver
Ansiedade de ter
Como não te querer ?
Se tudo que olho vejo você
Aceitação no primeiro olhar
Empatia, simpatia, nostalgia
Medo de não se contentar com o que vê
Ver e rever se esse é o dever!
Se o amor que te fiz ver
tem o gosto de me querer.
Imagens que mudam o rumo das coisas
tornando um oi um possível adeus
Logo hoje em que se vive no mundo de sonhos
onde sonhar parece ser mais seguro
Mas o que é seguro?
Quando se tem medo do esperado que se torna inesperado
pela sua grandiosidade repentina
Corpos que se desejam sem se tocar
calafrios sentidos por um simples pensar
corações disparados embalados por saudades
Aceitação, compensação, emoção
Vida vivida pela forma devida
Como se pode viver ?
Se assim puder manter ...
Longe dos olhos mais perto de você.


Geisa Reis

 
Autor
gfdr
Autor
 
Texto
Data
Leituras
912
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
5
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
ArthurGameiro
Publicado: 25/01/2010 18:59  Atualizado: 25/01/2010 19:26
Da casa!
Usuário desde: 16/07/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 257
 Re: Ânsia de você
Open in new window


Bem Vinda ao luso.
Lindo poetar.
Parabéns
Arthur Gameiro


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 25/01/2010 19:39  Atualizado: 25/01/2010 19:39
 Re: Ânsia de você
Bem vinda ao luso poemas. Espero que aprenda com todos nós assim como espero aprender com você. O poema que nos deixou foi um belo poema para inicio.

Parabéns


Beijo azul


Enviado por Tópico
Avozita
Publicado: 27/01/2010 21:35  Atualizado: 27/01/2010 21:35
Colaborador
Usuário desde: 08/07/2009
Localidade: Casal de Cambra - Lisboa
Mensagens: 4529
 Re: Ânsia de você
Gostei do poema, está bonito.
Ansia de você, ânsia de um amar...

Benvinda ao Luso.
Beijo
Antonieta