https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

Triste mar

 
Tags:  ondas    porto    sonata  
 
Open in new window
















Triste mar

Hoje o mar está triste como o cemitério
E cada rocha me lembra uma sepultura
Não produz nada e se encontra estéril
Lembra uma sonata cheia de amargura

Vive murmurando num bramir funéreo
Que em nada me lembra sinfonia pura
O meu pensamento está sempre aéreo
E vou lamentando a minha desventura

O meu barco já não consegue atracar
E só a minha saudade é que vai chegar
Num porto florido lá no meu passado

Olhando a tarde cair em suave langor
Vem-me a lembraça do primeiro amor
E o meu coração bate descompensado.

jmd/Maringá, 08.04.10


verde

 
Autor
João Marino Delize
 
Texto
Data
Leituras
1099
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
15 pontos
7
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 08/04/2010 15:51  Atualizado: 08/04/2010 15:51
 Re: Triste mar
Poema perfeito e tema bem tratado, só o olhar ficou "meio"; eu trocaria por "tão", para acentuar a tristeza das lágrimas, mas já é atrevimento demais da minha parte.
Perdoa-me, poeta.
abraço
nuno

Enviado por Tópico
João Marino Delize
Publicado: 08/04/2010 15:59  Atualizado: 08/04/2010 15:59
Colaborador
Usuário desde: 29/01/2008
Localidade: Maringá-
Mensagens: 2739
Online!
 Re: Triste mar
Acho que está correta a sua observação. Notei também que não há a palavra enlagrimado no idioma português e corrigi. Somente no idioma espanhol há esta palavra.

Abraços


Enviado por Tópico
rosafogo
Publicado: 08/04/2010 16:14  Atualizado: 08/04/2010 16:14
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2009
Localidade:
Mensagens: 9599
 Re: Triste mar
Muito bom este soneto, todo ele, e com um belo final.

Eu adoro sonetos,e hoje os poetas me brindaram,
pois é o segundo que leio, obrigada pela partilha.

beijo
rosa

Enviado por Tópico
Julio Saraiva
Publicado: 08/04/2010 16:20  Atualizado: 08/04/2010 16:32
Colaborador
Usuário desde: 13/10/2007
Localidade: São Paulo- Brasil
Mensagens: 4206
 Re: Triste mar p/João Marino Delize (estéreo ou estéril?)
desculpe,

mas, creio, que onde o senhor escreveu ESTÉREO, parece-me que o correto é ESTÉRIL.claro, acidentes acontecem. provavelmente foi algum erro de digitação.

j.


Enviado por Tópico
Alberto da fonseca
Publicado: 08/04/2010 16:56  Atualizado: 08/04/2010 16:56
Colaborador
Usuário desde: 01/12/2007
Localidade: Natural de Sacavém,residente em Les Vans sul da Ardéche França
Mensagens: 7113
 Re: Triste mar
Como tudo está rectificado (ou retificado?)nada tenho dizer, simplemente que é um muito belo poema de amor e saudade

Abraço amigo
A. da fonseca