https://www.poetris.com/

 
(1) 2 3 4 ... 120 »
Offline
João Marino Delize
Mato Grosso
Mato Grosso Eu vivo aqui nesta cidade Sem nenhuma felicidade O meu viver aqui é insosso Estou co...
Enviado por João Marino Delize
em 17/02/2018 18:18:41
Offline
João Marino Delize
Suicídio
Suicídio Há muita gente se suicidando Por não suportar a realidade Isto ocorre de vez em quando ...
Enviado por João Marino Delize
em 16/02/2018 13:46:32
Offline
João Marino Delize
Soneto em ex
Erva Atriplex. imagem Google Soneto em ex Esqueci que estava esperando um Sedex E fui caminhan...
Enviado por João Marino Delize
em 12/02/2018 13:22:28
Offline
João Marino Delize
Avó portuguesa
imagem do google. Avó portuguesa Só tive uma avó de origem portuguesa Nos domingos cozinhava c...
Enviado por João Marino Delize
em 10/02/2018 13:39:53
Offline
João Marino Delize
Pé-de-pilão
Pé de Pilão Uma, duas angolinhas Fincam os pés na pampolinha E você que é gente minha Vem pro ...
Enviado por João Marino Delize
em 06/02/2018 19:28:08
Offline
João Marino Delize
Meus males
Meus males Tenho medo da noite e dos seus horrores Visto que me apodera uma dor tão insana E p...
Enviado por João Marino Delize
em 06/02/2018 18:29:21
Offline
João Marino Delize
Fado, vinho e bacalhau
Fado, vinho e bacalhau Em uma taberna ouvia um velho fado Com guitarras portuguesas tocando Um...
Enviado por João Marino Delize
em 02/02/2018 12:50:25
Offline
João Marino Delize
Goiaba
Este texto pode ferir a susceptibilidade dos leitores mais sensíveis.
Enviado por João Marino Delize
em 31/01/2018 17:46:46
Offline
João Marino Delize
Vida
Vida Quando nasce uma criança Diz que se acende uma luz Mas quando se chega ao fim Se represen...
Enviado por João Marino Delize
em 30/01/2018 18:15:17
Offline
João Marino Delize
Barbaridade
Barbaridade Barbaridade isso é bom que mete medo O que mete medo é bom, isso é bom barbaridade...
Enviado por João Marino Delize
em 29/01/2018 19:03:42
Offline
João Marino Delize
Lingo, lingo
Lingo, lingo Lingo, lingo, lingo, lingo... De todo esse povo quero ser amigo Lero, lero, lero,...
Enviado por João Marino Delize
em 28/01/2018 13:17:48
Offline
João Marino Delize
Adeus amigos
Adeus amigos Eu vim para lhes avisar meus amigos de cantoria Que hoje vou me despedir, desta v...
Enviado por João Marino Delize
em 25/01/2018 18:47:04
Offline
João Marino Delize
Desigualdade
Desigualdade Saiba que um por cento entre os mais ricos Tem mais posse que o resto da populaç...
Enviado por João Marino Delize
em 22/01/2018 12:41:09
Offline
João Marino Delize
Poesias
Poesias Cada poesia que escrevo é uma janela Que se abre clareando a minha vida E o oxigênio q...
Enviado por João Marino Delize
em 21/01/2018 12:49:54
Offline
João Marino Delize
In(verdades)
In(verdades) Muitos dizem que a verdade Continua no fundo do poço Talvez isso seja a realidade...
Enviado por João Marino Delize
em 17/01/2018 13:24:40
Offline
João Marino Delize
Cana-de-açúcar
Cana-de-açúcar A cana não é só do açúcar Muita coisa se faz com ela Faz-se garapa e a cachaça ...
Enviado por João Marino Delize
em 16/01/2018 18:03:09
Offline
João Marino Delize
Diferenças
Diferenças Esse nosso mundo é uma grande bola Que entre outros planetas está a girar Mas enqua...
Enviado por João Marino Delize
em 14/01/2018 12:39:33
Offline
João Marino Delize
Discussão
Discussão A solidão e a morte estão sempre a brigar Querendo me ajudarem com seus favores Uma ...
Enviado por João Marino Delize
em 04/01/2018 19:03:22
Offline
João Marino Delize
Dois mil e dezoito
Dois mil e dezoito Um novo ano logo estará chegando E acabando o ano dois mil e dezessete Se o a...
Enviado por João Marino Delize
em 30/12/2017 18:45:00
Offline
João Marino Delize
Pé-de-boi e mão-de-vaca
Pé-de-boi e mão-de-vaca Na vida ele sempre foi um pé-de-boi Mas o seu patrão, um mão-de-vaca ...
Enviado por João Marino Delize
em 30/12/2017 13:12:51
(1) 2 3 4 ... 120 »