https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

a sara do mago (Saramago)

 




esta lágrima, vertida sentidamente,

embarga a voz,

todas as lembranças…



no sentir,

nos caminhos de tantas andanças,

fica a memória,

a história

tantas mudanças…


19.06.2010
13.23h


 
Autor
João Videira Santos
 
Texto
Data
Leituras
1073
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
4
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 19/06/2010 14:20  Atualizado: 19/06/2010 14:20
 Re: a sara do mago (Saramago)
Poeta não morre!

beijinho.
Isa.

Enviado por Tópico
cleo
Publicado: 19/06/2010 15:18  Atualizado: 19/06/2010 15:18
Luso de Ouro
Usuário desde: 02/03/2007
Localidade: Queluz
Mensagens: 3857
 Re: a sara do mago (Saramago)
Aqui ficou o registo poético de um não menos valioso admirador.
A sua obra, essa, ficará impressa nas páginas dos livros das estantes reservadas aos grandes autores.
Será imortal!

Enviado por Tópico
Henricabilio
Publicado: 26/07/2010 17:53  Atualizado: 26/07/2010 17:53
Colaborador
Usuário desde: 02/04/2009
Localidade: Caldas da Rainha - Portugal
Mensagens: 6963
 Re: a sara do mago (Saramago)
Pranto que SARA
as saudades do MAGO!

Um abraçoo!


_Abilio*

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 03/10/2014 05:29  Atualizado: 03/10/2014 05:29
 Re: a sara do mago (Saramago)
imortal...homenagem justa