https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

A Porta (112)

 
Tags:  porta    ver    sair  
 
A mesma porta que te viu sair...

Verás, voltando

Que te viu sair, tomando como ventos

Aplainando sobre si e flutuando

Abrindo suas asas brancas

E voando ao som do mesmo vento

Que verei-te voltando...

Traz a chuva contigo

E molhe-me e dei-me o beijo tão esperado

E me abençõe com tua natureza e esplendor...

de Anjo!






Luiz Íris


Luiz Iris de Carvalho Júnior

 
Autor
LuizIris
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1199
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
ângelaLugo
Publicado: 13/08/2007 06:55  Atualizado: 13/08/2007 06:55
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2006
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 14977
 Re: A Porta (112) p/ LuizIris
Querido poeta

Os anjos sempre voltam a nos
acalentar com seus esplendorosos
afetos vindos do céu...

Beijinhos doces n'alma