https://www.poetris.com/
 
Prosas Poéticas : 

Amanda

 
Tags:  Amanda  
 
Amanda

È o nome que se instala e se aperfeiçoa nos ouvidos.
Faz sonhar num paradoxo surreal mais belo que o mundo pode mostrar.
Sinto abraçada por uma luz que agarra-me sem tocar num rumo sem existir mas que invade o sonho dançando com as palavras acabadas que faz-me ditar.
Ès e serás a mulher escrita nas minhas linhas contadas, que transformas as águas em jardins do teu beijo.
Ès a alma que dá a liberdade subscrita entre dois corpos entrelaçados num acto carnal que entra no meu pensamento e toca-me com as mãos do coração.
É um sonho que vou consumindo e vivendo sem ter asas que me prendam.
Sinto-me a levitar entre dois mundos afastados da ilusão humana bailando no ar com os pés molhados no chão.
Ès a palavra que nunca sei escrever nas páginas do meu livro inacabado... abres as tuas pétalas rosadas espalhas no infinito da minha imaginação que desejaria escrever mas... retiras, mordes, arrancas, tiras a tinta da sabedoria da minha caneta.
Perco-me e afogo-me no calor da tua pele e caminhos celestiais do teu olhar dizendo em palavras surdas encostada ao teu ouvido sentimentos não expressivos.
Ès a imagem desfocada que os meus olhos não querem ver uma negação repleta de desejo e sentimento que balança numa maré de cabeças agitadas que faz-me entregar-me á tua sentença de prisão de emoção.
Olho-te e vejo-te numa simplicidade congelante de força magnética que absorve os meus pecados e fico num estado de pureza tentadora que o próprio Diabo inveja.
Ès a força da natureza e beldade cruel que pára-me só para ver-te entrar naquela porta que abre o caminho abstracto dos sentimentos puros que tenho por ti.
E nisto finalizo apaixonadamente a tentativa pecadora e pureza as meras palavras que o meu coração fala por si... Dizendo vezes sem conta... Amanda... Amanda... Amanda.

 
Autor
Kolthar
Autor
 
Texto
Data
Leituras
617
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 27/10/2010 19:56  Atualizado: 27/10/2010 19:56
 Re: Amanda
gostei desta prosa em que eu só nao sei uma coisa mão sei se a amanda é iventada ou não, mas a prosa o texto em si pareçe vindo de um sonho agradavel de sonhar, gostei da parte do suusurar aos ouvidos e falo por mim tu escreves com o coração e eu gosto da forma como te expressas na poesia
bjs