https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

EU NÃO CRESÇO

 
Tags:  amor    paixão    infantilidade  
 


Gê Muniz

EU NÃO CRESÇO

Tequilas,
Caipirinhas,
Outras tantas
Biritas

Bares espocando feridas
A noite circunscrita
Aos locais
Em que você agita...

Eu olho os cabelos
De guirlandas fakes
Das tranças
Daquelas loiras branquelas

Você não é “aquelas”
“Elas” não são você
Nem quero
Te ver “nelas”

Andar...
Sorrir...
Comer...
Vá se foder...

Vou beber mais
Quem sabe se eu cair
Você aparece
E me desmaia de vez

(Nem adianta
Pedir
Que eu
Não cresço)
 
Autor
GeMuniz
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1301
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
21 pontos
21
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Ledalge
Publicado: 28/10/2010 00:14  Atualizado: 28/10/2010 00:14
Colaborador
Usuário desde: 24/07/2007
Localidade: BRASIL
Mensagens: 6880
 Re: EU NÃO CRESÇO
Poesia durona, mas bela na essência. Você é muito criativo, muito inspirado e nós do site só temos a te agradecer.

Abraço



Enviado por Tópico
Gyl
Publicado: 28/10/2010 00:32  Atualizado: 28/10/2010 00:32
Membro de honra
Usuário desde: 08/08/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 15149
 Re: EU NÃO CRESÇO
Tequilas, beritas, vadias... A noite promete, Brother. Gostei muito desse poema com fortes características modernas e urbanas. Acho que você já está crescido, irmão. Aquele abraço, amigo Gê!


Enviado por Tópico
Kolthar
Publicado: 28/10/2010 00:51  Atualizado: 28/10/2010 00:51
Super Participativo
Usuário desde: 25/08/2010
Localidade: Lisboa
Mensagens: 153
 Re: EU NÃO CRESÇO
Poema muito criativo amigo adorei.

Beijinho para ti


Enviado por Tópico
carolcarolina
Publicado: 28/10/2010 01:48  Atualizado: 28/10/2010 01:48
Colaborador
Usuário desde: 24/01/2010
Localidade: RS/Brasil
Mensagens: 9297
 Re: EU NÃO CRESÇO
Amigo Poeta
Gê!

Que bicho mordeu o poeta?
Com tudo aquilo que resolveu beber, nem adianta ela vir mesmo, ela não vai desmaiar o poeta, já vai estar desmaiado o pobre.
Tapei os olhos dos meninos, poema forte para crianças.
É sempre bom ler o poeta!
Bjo no coração
♫Carol


Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 28/10/2010 01:48  Atualizado: 28/10/2010 01:48
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: EU NÃO CRESÇO
às vezes precisamos esquecer que crescemos e aprender com isso e esquecer novamente. Um olhar de fora pra dentro. bjs


Enviado por Tópico
Felipa
Publicado: 28/10/2010 02:10  Atualizado: 28/10/2010 02:10
Muito Participativo
Usuário desde: 11/10/2010
Localidade:
Mensagens: 50
 Re: EU NÃO CRESÇO
(Nem adianta
Pedir
Que eu
Não cresço)

Eu sei que não sei de nada. Só nos resta viver e tentar ser feliz do jeito que pudermos; o resto, são poemas e mais poemas.... Paroli, Paroli... Capice???
rsrsrsrs...
Bejinhos


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 28/10/2010 02:17  Atualizado: 28/10/2010 02:17
 Re: EU NÃO CRESÇO
Poeta querido deixa eu dar risadas? rsrsrs

Adorei!
beijos


Enviado por Tópico
Karolina
Publicado: 28/10/2010 04:14  Atualizado: 28/10/2010 04:14
Participativo
Usuário desde: 25/07/2009
Localidade:
Mensagens: 33
 Re: EU NÃO CRESÇO
Tequilas,
Caipirinhas,
Outras tantas
Biritas




Bj
poeta


Enviado por Tópico
HelenaMonteves
Publicado: 28/10/2010 07:01  Atualizado: 28/10/2010 07:01
Participativo
Usuário desde: 27/10/2010
Localidade: Agora só Jeri - CE
Mensagens: 32
 Re: EU NÃO CRESÇO
Gostei, gostei... "tequilas, caipinhas e outras biritas, os locais que você agita"

Pedir para vc crescer? Jamé!
Peço só um convite para beber isso tudo aí com vc, rsrs (brincadeira).

Bj qrido;

LenaM.