https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Desilusão : 

Poema para quem entenda

 
Tags:  fumo    tabaco    axfixia  
 
O fumo atroz da minha alma em sulcos
Corrompe-se a pele de vidro já exposta
Brônquios rarefeitos desoxigenados
Carbono assassino de morte anunciada
Nuvem viúva ensombrada de óbito
Boca sem guelras de si condenada
Pulmões em borrão de fogo e cinza
Mal amada jóia de quem se vicia



Maria Fernanda Reis Esteves
50 anos
natural: Setúbal
 
Autor
Nanda
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1108
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
18 pontos
10
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 20/01/2011 23:28  Atualizado: 20/01/2011 23:28
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: Poema para quem entenda
O tabaco, será porventura um dos vícios mais
comuns e que viciando acaba por vitimar
os chamados fumadores passivos também.
Boa reflexão, Nanda.
Beijo

Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 20/01/2011 23:28  Atualizado: 20/01/2011 23:28
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: Poema para quem entenda
Corta e assopra com elegancia e genialidade, és tu no papel. bjs querida

Enviado por Tópico
arfemo
Publicado: 20/01/2011 23:46  Atualizado: 20/01/2011 23:46
Colaborador
Usuário desde: 19/04/2009
Localidade:
Mensagens: 4812
 Re: Poema para quem entenda
belo jogo de palavras, com um final magnífico "mal amada jóia de quem se vivia!

beijo

Enviado por Tópico
Mariaa
Publicado: 21/01/2011 00:02  Atualizado: 21/01/2011 00:02
Colaborador
Usuário desde: 23/08/2009
Localidade: Braga
Mensagens: 2621
 Re: Poema para quem entenda
Pois eu sou fumadora passiva e tenho catarro do fumador de tanto estar à noite num café aqui ao pé da casa a ler o jornal que compro diáriamante. Devia ser proibido fumar em locais públicos e pronto. Se todos temos o direito à liberdade, acho que não temos o direito de «matar» alguém impondo-lhes o nosso fumo. Quem não fuma não pode ir ao café?

Como sempre uma reflexão pertinente e que acerta na mouche!

N BEIJOS E MIL ABRAÇOS SIDERAIS
DA AMIGA AO DISPOR
Maria«*+*» «*+*»

Enviado por Tópico
varenka
Publicado: 21/01/2011 00:13  Atualizado: 21/01/2011 00:15
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2009
Localidade:
Mensagens: 4211
 Re: Poema para quem entenda
Palavras que me doeram,o fumo faz muitas vitimas.


Bjs

Enviado por Tópico
Tânia Mara Camargo
Publicado: 21/01/2011 00:16  Atualizado: 21/01/2011 00:16
Colaborador
Usuário desde: 11/09/2007
Localidade:
Mensagens: 4263
 Re: Poema para quem entenda
Pois o cigarro é um vício maldito,
digo isso porque fumo e demais e não
aconselho ninguém a fazê-lo.
bjs

Enviado por Tópico
GeMuniz
Publicado: 21/01/2011 02:12  Atualizado: 21/01/2011 02:12
Colaborador
Usuário desde: 11/08/2010
Localidade: Brasil
Mensagens: 7283
 Re: Poema para quem entenda
Um vício terrível e um poema harmônico, elegante como querem parecer os fumantes... Porém, de longe fico com a tua escrita.

Um beijo, Nanda

Enviado por Tópico
TRIGO
Publicado: 21/01/2011 22:25  Atualizado: 21/01/2011 22:25
Colaborador
Usuário desde: 26/01/2009
Localidade: Cabeça-Boa - Torre de Moncorvo
Mensagens: 2301
 Re: Poema para quem entenda
...
olá nanda

Tenho-te
lido sempre! Fica
Feliz!



beijos

Enviado por Tópico
NEUSA
Publicado: 22/01/2011 17:13  Atualizado: 22/01/2011 17:13
Colaborador
Usuário desde: 19/05/2010
Localidade: Rio Verde - Goiás Brasil
Mensagens: 1431
 Re: Poema para quem entenda
Um tema muito bem abordado, que hoje vitima muitos fumantes, inclusive os fumantes passivos.
Sempre boa leitura tenho aqui.
Beijoss
Neusa

Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 18/10/2011 23:12  Atualizado: 18/10/2011 23:12
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 11186
 Re: Poema para quem entenda
Obrigada por serem o oxigénio que purifica a minha alma.
Beijos
Nanda