https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

VISITA

 
Fez-se convidada
a solidão – e demora
à luz da vela que derrete o breu.
Autora de lágrimas mordazes,
despreza a minha mão gelada
pelos versos que não escreveu.
Insiste, altiva, mas ignora
que a minha mão fechada
guarda o sorriso que trazes
num tempo que não é meu.

 
Autor
AuroraRosado
 
Texto
Data
Leituras
1177
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
18 pontos
10
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 22/01/2011 21:48  Atualizado: 22/01/2011 21:48
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29490
 Re: VISITA
Uma maravilha ], um peoma delicioso de ler, magnifico. Deixo meua abraço.

Martisns


Enviado por Tópico
JOSÉMANUELBRAZÃO
Publicado: 22/01/2011 22:12  Atualizado: 22/01/2011 22:12
Colaborador
Usuário desde: 02/11/2009
Localidade: Lisboa, PORTUGAL
Mensagens: 7775
 Re: VISITA
Gostei muito do seu poema!

Beijo do ZÉ


Enviado por Tópico
Sterea
Publicado: 23/01/2011 13:24  Atualizado: 23/01/2011 13:24
Colaborador
Usuário desde: 20/05/2008
Localidade: Porto
Mensagens: 3404
 Re: VISITA
Insiste e volta sempre,
sempre triste,
como se se alimentasse em gemido
deste tempo em que me fecho -
de mim própria ausente,
de si mesma tempo indefinido...


Beijinho, Aurora. Brilhante aurora...


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 24/01/2011 14:33  Atualizado: 24/01/2011 14:33
 Re: VISITA
Aurora,que lindo!
Amei ler-te!
Parabéns!

Beijos ternos!


Enviado por Tópico
rosafogo
Publicado: 24/01/2011 19:20  Atualizado: 24/01/2011 19:20
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2009
Localidade:
Mensagens: 9599
 Re: VISITA
Saudade de te sentir, bom que voltáste, do poema direi apenas que o prazer é sempre grande na leitura, este é muito belo, brilhante como tudo o que li de ti.


beijos amiga