https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Tantos nomes...

 
Chamas-me poetisa
Chamas-me tua linda
Tem cuidado com a camisa
Que com baba a molhas ainda!

Chamas-me tantos nomes
Lindos, com certeza
E com grande fome ainda me comes,
Sempre que podes, como sobremesa!

Só não me chamas o que eu quero
E isso mói-me a mona!
És como Nero,
Que incendiou Roma!

Atacas de fininho
Este meu coração imprudente
Sempre com muito miminho
Mas por demais potente!



Patrícia de Portugal

 
Autor
quimera
Autor
 
Texto
Data
Leituras
5710
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
6 pontos
6
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 18/09/2007 15:12  Atualizado: 18/09/2007 15:12
 Re: Tantos nomes...
NOMES LIDOS CERTAMENTE
SEMPRE CHEIOS DE AMOR E PAIXÁO
QUE A ALEGRA E A POEM CONTENTE
QUE SÁO SAIDOS DO CORAÇÁO


Enviado por Tópico
Manuela Fonseca
Publicado: 18/09/2007 15:39  Atualizado: 18/09/2007 15:39
Colaborador
Usuário desde: 13/06/2007
Localidade: Lisboa
Mensagens: 885
 Re: Tantos nomes...
Irreverente!

Beijinhos*


Enviado por Tópico
Arménio Cruz
Publicado: 18/09/2007 17:08  Atualizado: 18/09/2007 17:08
Participativo
Usuário desde: 03/09/2007
Localidade: Lisboa
Mensagens: 12
 Re: Tantos nomes...
Esses olhos tão brilhantes
E meigos na expressão
Foram eles que prenderam
O meu pobre coração

São verdes os teus olhos
Esperança a sua cor
Sinto-me leve que nem nuvem
Neste universo de amor

Um beijo, linda quimera