https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Sombrios : 

CASA VELHA

 


Ary Bueno [ O Príncipe dos poemas e do amor ]


Hoje vejo já pelo tempo roida
A velha casa em que nasci
Aonde fui feliz nesta vida
Aonde em paz a mocidade vivi

Hoje o mato já tomou conta
Suas paredes estão caindo
Cipós o telhado esta cobrindo
A tristeza de mim toma conta

Assim somos em nosso viver
Uma casa velha, abandonada
Que fica perdida na longa estrada
Esperando apenas o fim da jornada

Nosso sonhos, são telha quebrada,
O cipó na cabeça estão brancos
Somos uma parede desmoronada
Pintada com nossos tristes prantos

Um dia minha velha casa ira cair
E eu quem sabe isto não irei ver
Pois o meu corpo tambem vai ruir
E com tristeza ou alegria irei morrer





 
Autor
Ary Bueno
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1089
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.