https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Instante inconstante

 
Tags:  vida    viver    instante    inconstante  
 
Olhares sedentos de inverno,
Sangue frio e quente
Andando no meu e teu inferno
Vivendo na tua mente.

Que caminho cinzento e ofuscado
Pegadas das feridas dos derrotados
Onde percorro a estrada, obcecado
Onde vejo as almas dos agoniados.

Vidas passadas, futuro ausente
Gestos e mágoas de um olhar inocente,
Numa mudança constante
De um ciclo vicioso e alucinante.

Confronto o destino,
Ofereço a minha sentença
Sou por momentos assassino
Da vida que lhe pertença.

Quero viver, quero sofrer
Quero sentir, não ter nada a perder
Não pedi para nascer,
Não pedirei para morrer...

 
Autor
Dinarte
Autor
 
Texto
Data
Leituras
528
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.