Poemas : 

***Borboletas Noturnas***

 

***Borboletas Noturnas***

Na mais negra escuridão onde até os pirilampos
Faziam da imensidão um reluzir pelos campos
Brilhando assim fluorescente bailavam as borboletas
Cintilando incandescente fazendo na mata retretas

O céu de um lindo porvir iluminava o mundo
Fazendo então sorrir o mundo por um segundo
Até rosas encantadas recolhiam seus espinhos
olhando assim extasiadas insetos em burburinhos

Azul neon esverdeado um cobalto verde mar
Violetas entremeado são cores de encantar
Assim num sonho encantado se vão ao romper da aurora
Deixando então gravado na retina que foi senhora

Da mais bela exposição que poucos puderam ver
No romper da estação delícias sem esquecer
E a lua tão escondida aguardava sem demora
Coitada arrependida pois não era a sua hora

E entre raios doirados tal qual cachos angelicais
Foram então guardados as visões sacramentais
Bendigo a natureza que em horas oportunas
Espelham com realeza as suas grandes fortunas

Poucos olhos olharão com sentimento profundo
Então abençoarão e protegerão o mundo.
by
***RosaMel***

 
Autor
RosaMel
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1144
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
3
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 21/11/2011 01:18  Atualizado: 21/11/2011 01:18
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 8377
 Re: ***Borboletas Noturnas***
Boa noite Rosa, seus versos narram um mundo imaginário, em que tudo se harmoniza sem a necessidade de imposições entre
os elementos, parabens pelo seu instigante poema, MJ.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 21/11/2011 01:22  Atualizado: 21/11/2011 01:22
 Re: ***Borboletas Noturnas***
Você descreve belas cenas poéticas. Ficou muito belo. Abraço.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 21/11/2011 09:32  Atualizado: 21/11/2011 09:32
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 25049
 Re: ***Borboletas Noturnas***
PÓEMAS EXCENTIRCOS E MARAVILHOSO, QUE MARAVILHA