https://www.poetris.com/
 
Acrósticos : 

Me Perdi

 
S entada a porta da minha existência
E ntre cacos e restos

A lguma lembrança de mim permanece
L igada, escondida atrás das lembranças que de ti ficaram
G uardadas, impregnadas a mim
U m misto de sentimentos que me faz a mim desconhecer
M e esquecer

D urante muito tempo acreditei saber
I ludida, perdida na vida da tua vida
A quela que pensei ser minha

E ngano meu
U m erro meu

A gora parece ser tarde
I natingível
N adar rumo a mim
D esse ser tão estranho
A rredio que me tornei

P erseguida por fantasmas
U ma vida de mentiras
D ominada
E squecida
R essentida no final

M e perdi
E hoje não mais me encontro

E ntão permaneço
N esta inércia humana
C oração vazio
O silêncio da alma
N este caminho
T raiçoeiro que é o amor
R evirando o passado
A trás de alguém que lá ficou
R esgatando (tentando) o que de mim restou...

Butterfly.¸.•*ੴ

http://butterflyfasesefaces.blogspot.com/2007/11/boca.html

 
Autor
*butterfly*
 
Texto
Data
Leituras
913
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 06/12/2007 05:29  Atualizado: 06/12/2007 05:29
 Re: Me Perdi
Estimada Amiga, não fique nessa inércia, de coração vazio, silenciando sua alma.
nâo está errada nem tão pouco engana, simpesmente a borboleta que existe em si, perdeu o rumo momentaneamente, o perfume das flores a desorientou, mas de novo voando ou nanando, tal como perferir, alcançará seu porto de abrigo, onde o Amor de novo por si aguarda.
O Amor por vezes é traiçoeiro no seu conjunto é belo c~quando somos amados e sabemos amar.
Open in new window