https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

Mãos

 
MÂOS.

Mãos...
Mãos que tocaram teu corpo.
Mãos que te acariciaram.
Mãos que te ofertaram flores.

Mãos que alisaram teus cabelos...
Em suaves toques de paixão.
Mãos que te escreveram poemas.
Mãos que enxugaram as tuas lágrimas.

Mãos que te desenharam em aquarelas...
Nas telas de minha alma apaixonada.
Envolvida na doce áurea de teu sorriso.

Sorriso que não se fez na despedida...
Onde você e eu não nos abraçamos.
E as mãos não acenaram o frio adeus.


Baroneto.


Baroneto


 
Autor
THOMAZBNETO
 
Texto
Data
Leituras
783
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
3
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 01/02/2013 12:45  Atualizado: 01/02/2013 12:45
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 17070
 Re: Mãos
Poeta Baroneto
Belíssimo soneto embora seja triste!
Gostei! Parabéns! Beijos!
Janna

Enviado por Tópico
João Marino Delize
Publicado: 01/02/2013 12:49  Atualizado: 01/02/2013 12:49
Colaborador
Usuário desde: 29/01/2008
Localidade: Maringá-
Mensagens: 3125
 Re: Mãos
Lindo e muitas vezes verdadeiro o seu soneto. Para tirar um dez, só faltou a rima, se é que precisa de rima. Cada qual tem a sua visão sobre o assunto!

abraços

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 01/02/2013 13:12  Atualizado: 01/02/2013 13:12
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9762
 Re: Mãos
Bom dia Thomaz, a gente constrói uma relação afetiva, e junto com ela muitos planos, mais nem sempre o desfeche é como idealizamos.
Parabéns, pelo seu envolvente poema, um grande abraço, MJ.