https://www.poetris.com/
 
Mensagens -> Desabafo : 

12/02/2013

 
É engraçado, uma hora nos temos tanto medo de se aproximar pra não se machucar e outra você se vê conversando com ele, criando um laço de amizade (se é isso que eu posso dizer que seja)
Mas o que mais dói é perceber que você não pode tocar nele como você tocava antigamente, não pode abraçar daquele jeito, muito menos beijá-lo, olhar nos seus olhos e perceber que aquele brilho que eles carregavam se apagou ao olhar pra mim, sentir teu perfume de longe, não poder segurar sua mão. Tem tanta coisa que eu queria ouvir de você, mais também a tanta coisa que eu quero lhe falar.
Senti falta de falar com você, quando você disse que queria falar comigo minhas pernas tremeram como nunca tinha visto, pensei que eu não ia conseguir me levantar, que eu não ia conseguir falar nenhuma palavra, felizmente consegui, você falou tão serenamente comigo, me fez rir (verdadeiramente) de algumas coisas, me fez pensar em outras que até agora estou tentando decifrar. Pelo menos posso ter sua amizade, mesmo sentindo todo aquele amor me envolver, tento acalmar meu coração pra que ele saiba que não posso devolver ao dono, mesmo estando tão próximo está ao mesmo tempo tão longe.




biianca


 
Autor
Biia
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1005
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 13/02/2013 15:43  Atualizado: 13/02/2013 15:43
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29490
 Re: 12/02/2013
palavras sentimentais, uma carta de uma intensa paixão, ainda um pedaço desse maor em seu coração.

Uma maravilha de poema

martisns