https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Lutas absurdas

 
Lutas absurdas

Assisto diariamente
A lutas absurdas por poderes sem sentido
Em direcção a qualquer coisa sem nome
Onde reina alguém sem governo
Quem em busca do seu trono
É dono e quer assim permanecer…
Abandonando à partida as ideias
Ignorando à saída da epopeia
Com medo que lhe retirem a coroa oculta
Que exibe orgulhosamente no seu caco
A faz brilhar de cada vez que vocifera
Pujantemente na voz de senhor de tudo.

Assisto tristemente,
À correnteza das águas
Que sacode do capote
De cada vez que algo corre mal
E apresenta-se pomposamente
Quando corre de feição
Mesmo por esforço de outros.

Assisto diária e tristemente
A injustiças financeiras de quem governa
Amealhando o que seria da empreitada!
Ah… Dane-se tudo, dane-se todo o governo
Que não sabe governar, todo o dono a sacar!
Dane-se sem se danar, não posso mudar o mundo
Mas também não tenho que aceitar!

13 de Outubro de 2011
 
Autor
Clarisse
Autor
 
Texto
Data
Leituras
764
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
6 pontos
6
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 02/05/2013 16:43  Atualizado: 02/05/2013 16:43
 Re: Lutas absurdas
Clarisse, o titulo levou-me a entrar e ainda bem

uma vez um amigo disse: "lutamos, sumimos"

as lutas pelo que o dinheiro nos dá são realmente inúteis, completamente inúteis, já dizia o saramago: "isto não é nosso"
agora se for para o dinheiro servir as pessoas, tudo quase normal, afinal ele existe.
posso até estar errado, mas, a democracia que insistem em dizer que continua em vigor, e eu não acho isso, está ultrapassada, sem que se conheça outra que sirva melhor o povo. com esta coisa do capital… há algo não encaixa. talvez necessitasse-mos que os filósofos e outros pensadores começassem a pensar nisso, uma nova... a não ser que a mente evolua noutro sentido e o capital… fico por aqui

até porque de que contas… só as botas
e apesar de complicado
“não tenho de aceitar”
mas lá está, reclamar por estes dias é difícil,
alguém criou um saco roto.
quem sabe muitas reclamações acabam tapando o buraco, um buraco...

muito bem, um abraço


Enviado por Tópico
ÔNIX
Publicado: 09/05/2013 11:24  Atualizado: 09/05/2013 11:24
Colaborador
Usuário desde: 08/09/2009
Localidade: Lisboa
Mensagens: 2679
 Re: Lutas absurdas
Clarisse, há dias que apetece mesmo gritar


Gostei de te ler neste poema.


Enviado por Tópico
DomingosdaMota
Publicado: 09/05/2013 14:46  Atualizado: 09/05/2013 14:46
Colaborador
Usuário desde: 15/05/2010
Localidade:
Mensagens: 819
 Re: Lutas absurdas
Há sempre quem não aceita.
Há sempre alguém que diz não.

Também não aceito
e também digo.

DM