https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Juventude Perdida

 
Uma gosta do negão
Outra gosta do malhado
Mas no vamo ver irmão
Cadê o tamanho do telhado?
Um chega cheio das marra
O outro nada a mostrar
O 1º é playboy das farra
Ele vai desapontar
O nego segue a humildade, a fé, o seu curso
Mas mexe com a mina dela pra você ver o urso
O malhado não é de nada
Não quer saber de namorada
Ele faz o que quer e ela deve ficar calada
As moça de hoje em dia não sabem se valorizar
E quando fazem a besteira não aprendem a mudar
O que mais se vê é a juventude perdida
A camisinha não usou, o que você vai fazer da vida?
O cara só queria fazer ela abrir as perna
Mas moça não desista tão cedo, não se afogue na sisterna
Ele já foi embora
Mas não o deixe de fora
Ele sabe como se faz
Então mostra pra ele quem paga mais
Uma gosta do negão
Outra gosta do malhado
Afaste sua filha do portão
E não a deixe subir o telhado


-Alice in not wonderland

 
Autor
AliceInNotWonderland
 
Texto
Data
Leituras
886
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martims
Publicado: 12/08/2013 18:57  Atualizado: 12/08/2013 18:57
Colaborador
Usuário desde: 12/08/2013
Localidade:
Mensagens: 6796
 Re: Juventude Perdida
Já não se faz mais jovem como antigamente. Hoje confundem a liberdade com libertinagem.